Foto

Na Tecnifisio, intervimos em patologias/lesões do foro ortopédico, traumatológico, reumatológico e prevenção de lesões em desportistas, adultos, crianças e idosos. Destacamos as lesões músculo-tendinosas (roturas musculares, tendinites, tendinoses entre outras), alterações posturais, algias (dores) na coluna vertebral, lesões traumáticas/degenerativas (luxações, artrose entre outras) pré e pós cirurgia, artrite reumatoide, fibromialgia, espondilite anquilosante.

Utilizamos vários métodos e técnicas de tratamento dentro das quais destacamos: o Método Pold, Método Corpo e Consciência e técnicas Osteopáticas.

Método Pold

O Método POLD é um método inovador na área da Terapia Manual, criado, estudado e desenvolvido em Espanha, pelo Dr. Juan Vicente López Diaz. A técnica baseia-se na aplicação de uma mobilização passiva oscilatória com frequência de ressonância mantida sobre a coluna vertebral, tecidos moles e articulações.

A criação deste método teve a sua origem nas observações do Dr. Juan, que constatou que a oscilação axial realizada ao bébé produzia um relaxamento do mesmo, que rapidamente começava a dormir. Esta oscilação ressonante na coluna provoca uma inibição das aferências nociceptivas ao nível do Sistema Nervoso Central (mensagem dirigida ao cérebro que se transforma em sensação de dor). Este efeito neuro-fisiológico permite ao fisioterapeuta libertar estruturas articulares e tecidos moles com eficácia e com menos sacrifício para o utente, pois facilita a aplicação de manobras de mobilização especificas e localizadas à estrutura, em função do objetivo terapêutico desejado.

Os principais objetivos da aplicação do método de POLD são:
  • Equilibrar as tensões e elasticidade dos músculos, fascias e ligamentos;
  • Devolver às articulações a posição e o movimento biomecânico correto;
  • Restaurar a circulação dos fluidos corporais.

A sua utilização apresenta grande interesse nas patologias da coluna (hérnias e protusões discais, radiculopatias, escolioses, etc), nas patologias articulares degenerativas e limitações articulares, em lesões de sobrecarga muscular e alterações fasciais e das cadeias musculares. O método tem ainda indicação terapêutica em casos de fibromialgia, lesões musculares, tendinopatias e patologias reumáticas. No geral é muito eficaz em patologias que originam dor e alterações da fisiologia e mobilidade articular .

O grande benefício do método é o facto de tornar desnecessária a aplicação de uma mobilização clássica ou de uma manipulação associada a um maior desconforto para o paciente. Actualmente o método de POLD é tido como das técnicas mais eficazes e ao mesmo tempo mais suaves na resolução de muitos problemas do sistema musculo-esquelético.

Método Corpo e Consciência

Método criado por George Courchinoux, influenciado pelos princípios da Reeducação postural Global (RPG), da sofrologia e de medicinas de reorganização energética (orientais). Tem 4 principios : equilíbrio e harmonização, autoconhecimento, ajuste postural e reorganização energética.

Equilíbrio e harmonização

A vivência corporal é enriquecida através dos sentidos clássicos: audição, visão e também pelo sentido cinestésico, aprendendo técnicas de contacto tais como a auto-massagem e drenagem e descobrindo a importância do trabalho de determinados músculos em zonas mais profundas do corpo tais como, o diafragma, músculos do pavimento pélvico, músculos óculo-motores (músculos dos olhos)…

Autoconhecimento

Liberta as tensões do nosso corpo e mente utilizando várias técnicas:
Drenagem e libertação emocional.
Comunicação verbal e não verbal.
Sofrologia e relaxamento dinâmico.

Ajuste postural

Aprende-se a “escutar” os pontos de apoio no solo, reconstruindo a ideia de postura global, diminuindo tensões, equilibrando o corpo a viver de uma forma mais descontraída e equilibrada. Aplica-se técnicas de RPG (Reeducação Postural Global) e outras técnicas de posturologia.

Reorganização energética

Na Natureza tudo funciona mediante ciclos rítmicos e o nosso corpo não foge à regra. Aprender a conhece-los e respeita-los ajuda-nos a gerir o stress e a manter a saúde. Trabalhamos também de acordo com as características das estações do ano, através de exercícios respiratórios, técnicas de relaxamento e do-in.

Assim, o Método Corpo e Consciência promove o equilíbrio entre a atitude mental e a consciência, promovendo uma melhor atitude postural e equilíbrio do Ser na globalidade.

Técnicas Osteopáticas

Osteopatia criada em 1892 por Andrew Taylor Still é definida como uma abordagem de diagnóstico e terapêutica manual das disfunções de mobilidade articular e tecidular em geral, a fim de prevenir, tratar e evitar a introdução da patologia. Baseia-se em 4 fundamentos principais, nomeadamente, a estrutura governa a função (a patologia não aparece se a estrutura encontra-se em harmonia), a unidade do corpo (corpo tem a capacidade de encontrar o seu equilíbrio e guarda em memória os traumatismos sofridos), a autocura ( o corpo tem o poder da auto- cura havendo a homeostase, o equilíbrio), a lei da artéria (todo o tecido, órgão bem vascularizado tem uma boa estrutura e permite o transporte de todos os elementos que asseguram a imunidade natural) Ou seja, se uma parte do corpo se encontra fragilizada ou limitada, o resto do organismo tem de se adaptar para compensar essa fragilidade, reagindo com inflamação, dor ou rigidez por exemplo.

Segundo os princípios da osteopatia, o corpo precisa de um tempo para se adaptar às mudanças proporcionadas por cada sessão. As técnicas de osteopatia do aparelho locomotor consistem em técnicas de relaxamento (massagem tecidos moles, indução miofascial), técnicas funcionais (pontos gatilho), Técnicas estruturais que se dividem em técnicas rítmicas e miotensivas (bombeios, estiramentos, utilizados para o alivio muscular, aumento da mobilidade de movimentos e equilíbrio corporal, manipulando a fáscia permitindo a reorganização das fibras dos tecidos conjuntivos de uma forma mais flexível e funcional) e as técnicas com Thrust (manipulação das disfunções) que através do efeito neurofisiológico promovem o alivio da dor.

Ao atingir o equilíbrio da estrutura esquelética e muscular, outros sistemas do corpo, como o circulatório, nervoso e linfático, dispõem das condições necessárias para funcionarem com maior eficácia. Em harmonia, o corpo humano tem capacidade de autorrecuperação, preservando a saúde e o bem-estar.