Foto

O desporto quer a nível amador, quer a nível profissional, tem vindo a ser praticado por um número crescente de amantes do exercício físico. À medida que aumenta o nível de exigência dos treinos os atletas estão propensos ao surgimento de lesões musculares ou tendinosas, que podem favorecer o interromper dos treinos ou competições.

A massagem é uma das terapias mais antigas utilizadas no alívio de dor, relaxamento, estimulação e recuperação muscular, quer a nível preventivo, terapêutico ou desportivo. A Massagem Desportiva é composta por um conjunto de técnicas de manipulação das estruturas músculo-esqueléticas, exercendo pressão, velocidade de execução e intensidade em zonas corporais cruciais à atividade desportiva. Podem ainda ser associadas mobilizações e alongamentos como complemento.

A massagem desportiva realizada antes do treino/atividade desportiva aumenta a resposta muscular ao exercício. A massagem desportiva realizada após o treino/atividade física, facilita a recuperação ,diminuindo os pontos de tensão musculares e a redução do ácido láctico dos músculos fazendo com que o sangue e o oxigénio consigam voltar aos músculos a um ritmo normal e fazer uma reparação eficaz dos tecidos musculares, tornando-os mais fortes e resistentes.

Assim, a massagem desportiva pode ser realizada antes ou após o treino de acordo com os objetivos de cada utente. De salientar que os resultados poderão ser ainda mais eficazes ao associar uma intervenção multidisciplinar.